Manifestos

O reatamento histórico da classe operária no final dos anos 60

Manifesto do primeiro congresso da CCI

A CCI foi fundada em janeiro de 1975 pelos diferentes grupos políticos que tinham nascido como conseqüência do reatamento histórico da classe operária no final dos anos 60 expresso entre outras pela greve de Maio 68 na França, o Cordobazo argentino de 69, o "Outono Quente" Italiano do mesmo ano (outubro e novembro de 1968), a greve dos operários do Báltico na Polônia nos meses de dezembro e janeiro de 1970-71. Este despertar proletário pôs fim a quatro decênios de contra-revolução e anunciava todo um período de combates de classe encarniçados à medida que piorava a crise econômica que o tinha provocado.

Revolução Mundial ou destruição da humanidade

"O Comunismo está morto!", "Operários, é inútil esperar o suposto fim do capitalismo, este sistema eliminou definitivamente seu inimigo mortal". Eis o que a burguesia tem repetido continuamente com o desmoronar-se do bloco de leste. Assim, a maior mentira da história, a identificação do comunismo com o stalinismo (uma das formas mais bárbaras da exploração capitalista) nos é servida no momento quando este mesmo stalinismo se desloca entre a lama e o caos. As classes dominantes de todos os países, precisam convencer seus explorados que não adianta lutar a fim de transformar o mundo.

Divulgar conteúdo